Brasília, 16 de dezembro de 2017 às 13:25
Selecione o Idioma:

África

Postado em 21/11/2017 5:23

Mugabe renuncia à presidência do Zimbábue

.

Share Button
© REUTERS/ Philimon Bulawayo

A Frente Patriótica da União Nacional Africana do Zimbábue anunciou nesta terça-feira (21) que o parlamento do país decidiu destituir o presidente Robert Mugabe, que governou o país desde a década de 1980.

O parlamento do país iniciou nesta terça-feira (21) o processo de impeachment de Robert Mugabe, de 93 anos de idade, depois da recusa do presidente de abandonar suas funções. A União Nacional Africana do Zimbábue havia declarado anteriormente que o presidente teria 24 horas para abandonar o escritório da presidência.

Milhares de pessoas se reuniram em frente ao parlamento para acompanhar o processo de impeachment de Mugabe.

A situação política no Zimbábue foi agravada com a prisão domiciliar do presidente Mugabe em 13 de novembro para proteger os cidadãos dos “criminosos” na administração presidencial. Os militares tomaram também o controle do centro de televisão pública e bloquearam os edifícios parlamentares.

A reviravolta aconteceu após Mugabe, que tem governado o país por mais de 30 anos como presidente e premiê ao mesmo tempo, ter retirado do partido governante o seu primeiro vice-presidente, Emmerson Mnangagwa, que era considerado possível sucessor e que conta com o apoio dos militares.

Comentários: