Brasília, 20 de novembro de 2018 às 12:23
Selecione o Idioma:

Papo do Dia:

Venezuela

Postado em 29/08/2017 10:22

Número de emissoras privadas de rádio FM cresceu 58,22% em Revolução

.

Foto: @VillegasPoljak
Caracas, 29 Ago. AVN.- O número de emissoras de rádio privadas FM com sinal aberto cresceu 58,22% em 19 anos, ao passar de 304 em 1998 para 481 atualmente, segundo dados da Comissão Nacional de Telecomunicações (Conatel).
Os números foram divulgados nesta segunda-feira pelo ministro da Comunicação e Informação, Ernesto Villegas, em sua conta no Twitter. Ele informou ainda sobre uma reunião na sede do ministério com representantes da Câmara Venezuelana de Radiodifusão.
Durante a reunião, Villegas apresentou também os números das televisões que operam com concessão do  Estado venezuelano. O setor cresceu 75% no mesmo período. Em 1998 existiam 36, e em 2017 já são 63.
“Alertei contra o uso do espaço radioelétrico para alentar intervenção ou sanções estrangeiras contra a Venezuela, no qual houve consenso”, afirmou Villegas na rede digital. “Destaquei a gravidade das ações anunciadas por Trump/EUA contra a Venezuela e efeitos negativos que buscam contra todos os venezuelanos”.
O ministro reafirmou a disposição ao diálogo do governo bolivariano com os empresários privados do setor, e reiterou o convite à crítica democrática e o rechaço a “todo convite ilegal ao ódio ou ao desconhecimento de instituições”.
Participaram da reunião diretores da Câmara e das empresas Circuito X, FM Center, Unión Radio, Radio Tiempo, Rumbera Network, Radio Capital e Melodía Stereo.

Comentários: