Brasília, 17 de outubro de 2017 às 04:15
Selecione o Idioma:

Cultura

Postado em 23/07/2017 8:27

O Jardim do Livro de Teerã, a maior livraria no mundo

.


Warning: Illegal string offset 'filter' in /home1/patri590/public_html/patrialatina.com.br/wp-includes/taxonomy.php on line 1372
Share Button

Após anos de planejamento, este projeto entrou em funcionamento, denominado o “Jardim do Livro de Teerã”, a maior livraria do mundo.

O Jardim do Livro de Teerã, um dos principais projetos culturais após a revolução islâmica, foi inaugurado em 3 de Julho, com a presença do prefeito de Teerã, Mohammad Baqer Qalibaf e presidente do Parlamento, Ali Larijani, e um número de ativistas e os amantes da arte e da cultura.

A livraria de Bagh-e-Ketab (o Jardim do Livro) situa-se no bairro de Abbas-Abad em Teerã, perto da Biblioteca Nacional do Irã (a leste), a Academia de Ciências e da língua e literatura persa (a nordeste) o Jardim da Arte (ao noroeste) e o Jardim do Museu da Defesa Sagrada (a oeste).

A superfície do jardim do Livro de Teerã é de 110 mil metros quadrados, dos quais 65 mil são ocupados por edifícios de exposições, auditórios e salas administrativas e o resto por áreas verdes e um lago artificial. Este recinto é composto por 16 salas de exposição, cada um com uma área de 2000 metros quadrada e construída em dois andares.

O Jardim do Livro de Teerã conta com uma exposição temática de livros ao longo do ano, juntamente com uma ampla rede de busca de informações e pedido de livros que é projetado para minimizar o tempo e a energia do público. Nele, está planejado planilhas de e-book para facilitar o acesso do público a estes padrões básicos. Os fundadores desta ideia acreditam que o hábito de ler livros é formado na infância. Se este hábito não fosse desenvolvido neste período, uma vez que a criança cresce, ela não vai estar interessada em ler livros. É por isso que este projeto leva em conta o desenvolvimento da personalidade da criança e do adolescente. Há também um centro de vendas e exposições para adultos que servem aos pais que entram com seus filhos e para os amantes de livros que passam por lá.

O Jardim do Livro de Teerã é um espaço público, bem como de entretenimento que permite às crianças a aprender algo e se interessar por leitura de livros. Aqui, com a cooperação da empresa LG, foi criado um centro da ciência dedicada às crianças, que é considerado o primeiro de seu tipo fora da capital da Coréia do Sul, Seoul. Este é um dos melhores e mais bonitos centros de ciência para crianças de 7-12 anos de idade.

A coleção de obras e vários programas realizados no Jardim do livro de Teerã tem recriado um ambiente para que crianças e adolescentes tenham uma experiência intelectual com caraterística especial e típico da época atual e moderna. Um dos objetivos deste projeto cultural é se impulsionar uma nova geração de crianças que estejam interessadas ​​em livros e ciência e aumentar suas habilidades. As crianças de hoje têm menos atividade física e habilidades manuais, devido à intensa exposição à mídia e ciberespaço, portanto, o Jardim do Livro tem a intenção de criar um espaço para melhorar outras habilidades deste grupo. Ele é dividido em duas partes principais: a seção do livro e jardim da ciência. A primeira, por sua vez, é dividida em duas seções, uma dedicada a crianças e adolescentes e outra aos adultos. Há também uma área especial de música destinado a promover a relação entre crianças e música suave. Nesta seção, todos os poemas de livros infantis são acompanhados com música de Mohammad Reza Aliqoli, o compositor iraniano.

De fato, o Jardim do Livro de Teerã considera um dever aumentar o consumo e não a comprar de livros. Este complexo é composto por várias camadas. A primeira consiste de uma série de lojas de livros, que formam a maior livraria do mundo. A segunda camada é a galeria de arte, que é considerada a maior de seu tipo no país. A terceira consiste em vários cinemas e teatros. A camada mais importante do Jardim do Livro de Teerã é o Centro de Ciência para Crianças e Adolescentes, que está alojado em uma área de cerca de 12 mil metros quadrados. Esta área da educação científica é projetada para idades 2-8, 8-12 e 12-18. Cada local tem capacidade para acomodar 40 pessoas ao mesmo tempo e até 800 pessoas por dia. A quinta camada refere-se às aventuras de crianças e adolescentes e a sexta é dedicada a eventos públicos planejados para pessoas de todas as idades.

Atualmente, existem 3600 “centros de ciência” no mundo que são muito semelhantes ao centro de Teerã, principalmente do Centro de Ciências Nimo na Holanda, da Cité des Sciences de Paris e do Museu CozmoCoixa em Barcelona. Os centros de ciência do mundo são projetados principalmente para adultos e não têm uma finalidade específica; por exemplo, alguns oferecem apenas serviço de biblioteca e venda de livro. No entanto, existem todas essas atividades no Jardim de Livro de Teerã. A arquitetura deste resort não se pode definir antes de entrar nas instalações e chegar ao ambiente principal. Mas o teto em espelho e pilares prateados logo a entrar cria um êxtase total no espectador. Projeto do jardim é feito de uma forma muito moderna. Esse tipo de arquitetura é específico para cada espaço de exposição e se estabelece deliberadamente e sem certa identidade para que o espectador seja livre de adotar qualquer conceito ambiente. O Jardim do Livro de Teerã é projetado para que o publico não se sente que está em um espaço confinado e sitiado.

O Espaço do Jardim está dividido em quatro blocos. Bloco A, intitulado “Baharestan” é totalmente dedicado a crianças e adolescentes. Bloco B, com o nome “Khiyalestan” é um espaço digital, onde tem colocado nas paredes vídeo e outros dispositivos e sistemas eletrônicos. O bloco C, chamado de “Negarestan” está equipado com salas de exposição para sessões de cinema e teatros, há também uma loja onde as obras são vendidas. Bloco D é chamado de “Sarvestan” e é dedicada à venda de livros para adultos e inclui salas de galeria e obras de arte.

Lâmpada Maravilhosa é o nome dado aos desenhadores a Jardim do Livro. Livros, educação, cursos virtuais e em pessoa são oferecidos nas lojas neste maravilhoso jardim, como luzes mágicas, materializar os desejos do público. Nesta definição se baseiam as atividades da academia virtual do Jardim. Ensino de habilidades para a vida e os aspectos ocultos do sistema educativo são outros objetivos desta academia que se concentra em crianças e adolescentes e suas atividades incluem a produção de livros científicos, pacotes educacionais e didáticos, animação e promoção de leitura de livro, vídeos de leitura de livros, aulas e oficinas de trabalho, conferências e programas científicos e lançamento de uma academia online. Livros de auto-aprendizagem, ciência simplificada, história de invenções e descobertas, bem como enciclopédias para adolescentes são apresentados nesta academia. Através da web-site do virtual acadêmica do Jardim pode acessar ao site no resort. Academia on-line é dividida em Academia de Crianças, adolescentes, Academia Radial, revista da Academia e da Academia da Rede.

A revista norte-americana “Newsweek”, em um relatório sobre a abertura do Jardim do Livro de Teerã se referiu a algumas de suas características singulares. Este jornal escreveu: “O Jardim do Livro de Teerã é um enorme complexo cultural, considerado a” maior livraria do mundo; ele está localizado em 65 mil metros quadrados e inclui uma série de locais como teatros, sala de ciências, sala de aula, restaurantes, etc. Um espaço verde também foi projetado no topo do complexo para as pessoas a irem para a estudar. Uma das questões que Newsweek observou com surpresa é o número de livros exibidos neste enorme complexo. De acordo com o relatório, após a conclusão do projeto no inverno passado, mais de 400 mil livros foram disponibilizados para as crianças nos últimos meses e até o desenho de prateleiras de livros permite de um fácil acesso de crianças e jovens.

Newsweek assinalou outro ponto importante do Jardim do Livro de Teerã. Antes da abertura deste complexo, a famosa companhia de livro americano Barnes & Noble tinha considerado a maior livraria do mundo no livro de recordes do Guinness que se encontra na cidade de Nova York sobre uma superfície de cerca de 14 mil metros quadrado, enquanto o Jardim do Livro de Teerã ocupa 65 mil metros quadrados e tem um espaço útil de 19 quilómetros. Agora, com a abertura do Jardim do Livro de Teerã, o título da maior livraria do mundo deve ser transferido de Nova York para Teerã.

Comentários: