Brasília, 9 de março de 2017 às 05:17
Selecione o Idioma:

África

Postado em 21/12/2016 8:17

Presidente de Gâmbia anuncia que não deixará o poder

.

Share Button
a-gambia
 © flickr.com/ United Nations Photo

À frente do país africano desde um golpe de Estado em 1994, Yahya Jammeh se recusa a deixar o poder.

O presidente da Gâmbia, Yahya Jammeh, anunciou na noite de terça-feira (20) que não deixará o poder no final de seu mandato em 18 de janeiro.
Ele rejeita a derrota eleitoral na eleição presidencial de 1 de dezembro. Há 22 anos no controle do país, Jammeh chegou ao poder através de um golpe de Estado. Ele foi eleito quatro vezes para continuar no poder do país, embora os resultados sempre tenham sido contestados.
No pronunciamento pela estação de TV pública, o presidente condenou a Comunidade Econômica dos Estados da África Ocidental (CEDEAO), que anunciou neste fim de semana que tomaria todas as medidas necessárias para garantir que o resultado das eleições presidenciais seja respeitado.
De acordo com a comissão eleitoral, a oponente Adama Barrow venceu com 43,3% dos votos, menos de 20 mil votos à frente do presidente.
Depois de reconhecer sua derrota em primeiro lugar, Jammeh, no poder por 22 anos, anunciou em 9 de dezembro que ele havia mudado de ideia e exigiu novo pleito sem “influência estrangeira”. …

Mostrar mais: https://br.sputniknews.com/oriente_medio_africa/201612207235953-presidente-gambia-nao-sai/

Comentários:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *